sábado, 4 de outubro de 2014

A CARISMATIZAÇÃO DO ADVENTISMO

2 comentários:

Anônimo disse...

Muito bom

Alline Lustosa disse...

Apesar do abismo entre o sagrado e o comum, há uma tênue (e tentadora) linha entre tornar interessante e atraente para as pessoas, quando pensamos em alcançá-las por nós mesmos. Uma vez que remete a tornar prazeroso, associa-se ao que estamos acostumados a ver no mundo que nos permitimos ser apresentado sob a ótica da mídia secular.
No entanto, fica evidente o correto quando o foco é fazer de maneira agradável a Deus em detrimento do mundo.
Nota-se a dificuldade em encontrar o equilíbrio(formalismo x emocional) e aplicá-lo seja na liturgia da igreja ou mesmo na própria vida.
Bom assunto para chamar-nos a refletir e disciplinar.