sexta-feira, 7 de março de 2008

A PESSOA DE DEUS EM JOGO



“Os católicos ficarão horrorizados [não só eles, todos os demais cristãos], mas nem eles poderão negar que este é um dos melhores joguinhos em Flash que dá para encontrar na internet. Imagine Street Fighter com personagens bíblicos no lugar de Ken, Ryu, Guile, etc. Você escolhe um dos seis ‘lutadores’ – Jesus, Eva, Noé, Moisés, Satã e Maria – e parte para a briga. Depois de derrotar todos os adversários, você desafia o Todo Poderoso [!]”[1]


Colaboração: William dos Reis

Comentário: Fico pasmo por constatar que a banalização promovida pela Modernidade desrespeita tudo o que é sagrado, a ponto de envolver até o próprio Deus em um game de luta.

[1] Artigo publicado na revista “Mundo Estranho”, ed. 73, Março de 2008, seção “internet”, p. 71.

3 comentários:

Anderson disse...

Olá, Pr. Douglas,
Isso nada mais é do que cumprimento daquilo que Paulo tinha profetizado para Timóteo, de como seria o perfil da humanidade! Louvado seja Deus, pois isso nos mostra quão perto estamos daquele glorioso dia!

raniery disse...

olha não da nem pra imagina uma coisa dessas quem criou esse jogo n tem Deus no coração olha não tem nem o que comentar sem palavras e um absurdo

Anônimo disse...

Gostaria de informar que isso vai longe, o mundo só tende a piorar.